Participe da Mais nova onda do Skoob

Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Sem nexo!

"Quanto mais me aproximo da morte, mais percebo que eu quero viver!"



    Começo essa postagem diária, sem tema, sem um fundamento, sem embasamento, SEM NADA. Relacionado ao inexistente me coloco a mercê do momento, sentimentos que vem e disparam o coração da gente e mesmo assim, me torno incapaz de descrevê-lo ou nomeá-lo. Parece fácil falar que o tempo passou e que não há mais sentido em tentar resgatar algo que nunca foi, de fato, nosso. Tenho , pulsando em mim VIDA, mas ainda assim, penso que minha tendência é caminhar para a morte, sem chance alguma de retroceder. Se realmente não tivermos outra chance de recuperar o tempo perdido, seremos somente mais um que passa mais da metade da vida dormindo e quando se aproxima do fim de sua existência percebe que o que ele mais queria era VIVER!

Ludimila do Nascimento Bassan
(O Olho que tudo vê)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Posso não concordar com nenhuma das palavras que você disser, mas defenderei até a morte o direito de você dizê-las".
(Voltaire)