Participe da Mais nova onda do Skoob

Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, 17 de maio de 2012

Encantada







Tem gente que encanta só de olhar, só no olhar, através do olhar,
Encanta só de ver, perceber, conhecer, interpretar
Cativa pelo sorriso, pelo prumo do som que tem o riso
Apaixona somente por ser, pretender, permanecer ao lado
Tem gente que não sabe o quanto inspira
o quanto domina, o quanto prende o olhar de outro alguém
Parece absurdo, mas é fato e eu confirmo tudo
Me encantei desde o primeiro dia
quando você preencheu minha casa vazia
e sem pedir licença mudou o sofá de lugar
mexeu na geladeira, comeu meu chocolate
e esqueceu sua escova no meu banheiro
Tem gente que não sabe que em sonho me possui
Que na lateral direita, no canto do meu dia
Eu canto o teu encanto no canto da nossa vida
E aquela sua camisa meio amarelada
com a mancha de vinho que eu mandei lavar
Me traz a lembrança que juntos estamos
e que juntos iremos ficar
Tem gente que confunde a mente da gente
Que carrega consigo um enigma para desvendar
E então como quem não quer nada
eu chego e pergunto se a minha hora foi marcada
Posso ser a próxima a tentar ser tua menina?
Para mostrar à arte a parte que tanto me fascina
Você é para mim uma idealização
Algo distante de alcançar, talvez eu não tenha arriscado
Talvez seja bom tentar
Observo de longe o seu talento
E me encanta, me prende, me inspira
E quando eu vejo, meus olhos estão vidrados
paralisados e eu nem sei como disfarçar
E então eu sorrio, viro o rosto de lado e fico somente a te escutar
E você me encanta
E você domina
E você me inspira
E o silêncio que há no seu olhar
me permite escrever em versos
Um enigma tal qual você carrega no silêncio
Se acaso perceber a inspiração desse poema
É o momento de acabar agora com esse meu dilema
E venha ao meu encontro somente na certeza
de alguém que também se encantou
Pelo simples motivo de ser eu, quem de fato sou!

Um comentário:

  1. sem palavras to encantado ... esse poema identifica muito oque você ta sendo pra min *_*

    ResponderExcluir

"Posso não concordar com nenhuma das palavras que você disser, mas defenderei até a morte o direito de você dizê-las".
(Voltaire)